No começo eu tentava apenas gostar de você, pois tudo era tão simples. Não queria amar…dizia: “amar não é para mim! Gosto tanto de estar sozinho”.

Mas, você com esse seu jeito, bobo, inocente, gostoso..conseguiu me fazer ir além do apenas gostar.

Hoje eu te amo! Mas por quê eu te amo? Não existe resposta para esse amar, por que apenas te amo…sem motivos…sem razões…quando amamos simplesmente amamos e não devemos buscar motivos para esse amor. Talvez esse seja o amor puro…aquele que nada ver, nada busca…apenas é perfeito, simplesmente por ser um amor puramente por amar.

Impossível entender, se sou louco por você, já não sei mais. Me faz feliz lembrar de cada momento que estamos juntos. Perco minha razão, por que meu coração teima em não achar motivos para amar você. Apenas se entregou, se rendeu a uma menina doce e boba como você é, meu amor.
Feche os olhos. Está sentindo meus beijos? Eles são de amor…esses labios que tanto dizem “te amo” nunca vão mentir quando repetir isso novamente.
Feche os olhos. Estou segurando suas mão, está sentindo? Essas mãos que vão sempre segurar você, são as mãos do homem que disse que sempre iria te proteger, te fazer carinho, enxugar sua lágrimas quando elas rolasse pelo seu rosto….

Como te amo…precisei entregar meu coração a você para saber o que era amar alguém. Prometo nunca te fazer mal…fazê-la a pessoa mais feliz do mundo…para todo o sempre vou estar contigo sempre te amando. E se o sempre não bastar e você achar que ele durou pouco, feche seus olhos e deixe eu começar tudo de novo.

Te amarei novamente amanhã, por que não posso mais prometer o amor que te dei ontem, nem o amor que te dou hoje. Prometo te amar amanhã e nos outros dias que ainda estão chegando, sabe por quê? Porque simplesmente te amo!
Essa é para você minha princesinha dos olhos azuis…te amo!

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS