Tanta gente pensando em vestibular, casa própria, carros, empregos, e eu fico aqui pensando em ter você, estagnado e sentindo-me derrotado.

Pensei que eu ia sujar a minha mão cortando nosso bolo de casamento, sim, sonhei alto sem ter asas.

Aqui em casa fiquei pensando em tantas palavras bonitas só pra te agradar, te fazer uma carta só pra voce se emocionar, te chamar de linda só pra voce me chamar de lindo também. Logo depois vejo que tudo acabou, sua pele, seu cheiro, seu sorriso, hoje está apenas na minha mente, alguém que ama de verdade é como um cãozinho adestrado que faz de tudo pra não maguar quem se ama, mas no final acaba maguando de certa forma. Voce não tem culpa, eu que ainda estou vivendo a era do Romantismo, amor impossível, mas tenho raiva por causa que acabou, num era para ter acabado, Meus Deus quando maldade comigo, eu pago pena por amor impossível.

Eu fico me perguntando o que fazer para te agradar? O que fazer pra você gostar de mim de novo? Onde foi que eu errei? Mas na verdade eu não errei, o meu problema foi te achar perfeita de mais, te sentir demais afinal Você era a minha estrela. Muitos querem dar conselhos dizendo pra mim esquecer meu amor, mas esquecer como? Não há conselho que te coloque em pé novamente, a gente não é burro por amar demais, é como se eu tivesse pagando pelos pecados que eu não cometi. Rezo por sua saúde, rezo também para mim manter firme no dia que eu te ver com outra pessoa.

Quem sabe um dia eu cresça e te esqueça, o seu Adeus dói em mim até agora, sem você eu não sou ninguém, mas por enquanto, vou ficar sozinho aqui esperando você voltar ou quem sabe eu encontre um novo amor já que a saudade não me deixa em paz.

Voce disse “Adeus”, e eu não consegui dizer o mesmo pra você, porém: “Feridas hão de sarar, e eu hei de ser feliz, sem você, sem ninguém”

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS